quinta-feira, 28 de julho de 2005

... Sesimbra ...

Image hosted by TinyPic.com

... Como já devem ter reparado não tenho por hábito escrever sobre futebol e sobre Sesimbra, não por não gostar de ambos mas precisamente pelo contrário... Ainda assim e talvez porque estando a aproximar-se a hora da despedida a saudade, da terra e não das pessoas, já começa a apertar resolvi abrir uma janela de onde se observa a presença de alguns blogs relacionados com Sesimbra. Resolvi igualmente abordar as eleições autárquicas que se aproximam.
Começando pelas candidaturas não posso deixar de lamentar a tristeza de ver os "candidatos" que o meu PSD decidiu promover... Valha-me o Senhor das Chagas, eu bem sei que a escolha foi da concelhia e não da distrital, pouco mais seria de esperar de tais "cabecinhas pensadoras". Depois de pela primeira vez o PSD ter feito eleger 2 vereadores nas últimas eleições, quatro anos a "coçar a micose" e uns "candidatos" como os escolhidos deixam perspectivar uma queda humilhante.
Assumo desde já que não irei votar PSD nas autárquicas deste ano.
Não sei onde irei votar, restam-me duas opções: Augusto Pólvora pela CDU e Amadeu Penim pelo PS. Ambos são competentes, com ligeira vantagem para o candidato comunista que assumo daria um bom Presidente da camara, no entanto não nego a amizade ao candidato socialista e reconheço a sua honestidade. Pode ser que consiga afastar as melgas do seu partido que sempre lhe sabotaram o trabalho...

1 comentário:

Farol do Cabo disse...

Sr.Soares,
O que será que tomou esta manhã?
Não querer votar nos candidatos do PSD é normal. Concordo que não serão a melhor escolha para este eleitorado mas colocar a hipótese de votar naqueles que fazem parte do grupo que há 30 anos andam destruir as potencialidades naturais da nossa terra, francamente!
No café onde tomou o pequeno almoço não lhe terão dado, por engano, alguma substância psicadélica que lhe está nitidamente a perturbar o seu raciocínio de pessoa de bem e a ver tudo muito brilhante e com muitas cores?
Vamos andar com Sesimbra para a frente mas com gente competente de qualquer partido e não com pessoas que são incapazes de reconhecer as suas próprias incapacidades, o que não tem desculpa para eles que se dizem pexitos do coração.